Geral

Quanto que uma pessoa gasta para desfrutar das praias de Florianópolis?

Banhista precisa colocar na ponta do lápis os gastos com transporte, alimentação e lazer para curtir um dia na praia da Ilha de Santa Catarina

Publicada em 31/12/2021 às 14:00h

por Foz ao Vivo


Compartilhe
Compartilhar a notícia Quanto que uma pessoa gasta para desfrutar das praias de Florianópolis?  Compartilhar a notícia Quanto que uma pessoa gasta para desfrutar das praias de Florianópolis?  Compartilhar a notícia Quanto que uma pessoa gasta para desfrutar das praias de Florianópolis?

Link da Notícia:

Quanto que uma pessoa gasta para desfrutar das praias de Florianópolis?
 (Foto: Leo Munhoz/ND)

O verão já começou e as praias em todo o país estão bem movimentadas.

Isso inclui as praias de Florianópolis em Santa Catarina.

Com relação a isso o portal ND+ fez uma pesquisa muito interessante sobre a média de gastos por pessoa nas praias de Florianópolis. Confira os dados da pesquisa:

Transporte

A maneira mais barata para chegar na praia é optar pela viagem de ônibus. Dessa forma, o primeiro passo é embarcar no Ticen (Terminal de Integração do Centro) na linha Tican-Ticen, 210, seguindo em direção ao terminal de integração de Canasvieiras.

A próxima linha será em direção ao bairro de Bom Jesus e desembarcar na Avenida Luiz Boiteaux Piazza e andar cerca de 1,2 km até a orla da praia.

Levando em consideração a ida e volta, o valor gasto será de R$ 4,50, caso seja pago no dinheiro, totalizando R$ 9,00 cada. Segundo o site do Consórcio Fênix, o tempo estimado para cada viagem é de 1h30.

Enquanto isso, a ida por motorista por aplicativo, partindo do centro por volta das 12h, custa, em média, R$ 55,00.

Vale ressaltar que, dependendo do horário, a viagem pode facilmente passar dos R$ 80,00. Caso opte por essa alternativa, o valor do transporte é de, no mínimo, R$ 110,00.

Caso não queira depender dos horários de ônibus ou da disponibilidade dos motoristas por aplicativo, a distância entre o Centro e a praia de Canasvieiras é de 26,4 km, ou seja, 52,8 km de ida e volta da praia.

Levando em consideração um veículo que faça uma média de 13 km por litro de combustível, serão utilizados pouco mais de 4 litros, que resultará em um gasto de R$ 26,348, conforme o preço praticado de R$ 6,587 no o litro da gasolina comum.

Além disso, é necessário incluir os R$ 30,00 do estacionamento.

Dessa forma, o turista ou morador que optar por ir até a praia de carro precisa desembolsar, no mínimo, R$ 56,348.

Gastos na praia

Na areia, o preço cobrado no aluguel de uma cadeira é de R$ 10 e R$ 15 para cada guarda-sol. Vale ressaltar que os restaurantes que ficam na orla da praia disponibilizam o equipamento e sem cobrança pelo uso.

Cadeiras de praia são alugadas por R$ 10 – Foto: Leo Munhoz/NDFoto: Leo Munhoz/ND

Segundo o comerciante Rognei Soares Machado, que está na 6ª temporada na praia de Canasvieiras, o principal prato buscado pelos clientes é a Isca de Peixe que custa R$ 52.

Além disso, a porção de camarão de 400 gramas é mais um dos principais pedidos durante almoço pelos banhistas, que sai por R$ 90 e serve duas pessoas.

Lista de preços de bebidas e comidas

  • Água s/ gás: R$ 5;
  • Cerveja garrafa: R$ 12 até R$ 17;
  • Caipirinha: R$ 12 até R$ 20;
  • Sucos: R$ 7 até R$ 9;
  • Linguado grelhado, arroz, fritas e saladas: R$ 161;
  • Salmão grelado: R$ 179,90;
  • Talharim ao frutos do mar: R$ 99,90;
  • Picanha grelhada: R$ 169,90;
  • Filé Mignon ao molho de quatro queijos: R$ 189,90;
  • Milho verde: R$ 10 unidade;
  • Queijo frito: R$ 8 unidade;
  • Choripan: R$ 15 unidade;
  • Picolé: R$ 7 até 15.

Vale ressaltar que os pratos indicados servem duas pessoas, com acompanhamentos e o preço pode variar de acordo com cada restaurante.

Roupas e entretenimento

Já é marca registrada das praias a presença de comerciantes vendendo desde alimentos até biquínis.

De acordo com a pesquisa, as boias podem variar de R$ 30,00 até R$ 50,00, dependendo do tamanho. Enquanto isso, os chapéus vão de R$ 20,00 até R$ 75,00.

Imagem mostra criança com um chapéu próximo da água e sentada na areiaFoto: Leo Munhoz/ND

Já os biquínis, é possível encontrar peças com preços que variam desde R$ 50,00 até R$ 135,00.

O preço médio das cangas cobradas na praia de Canasvieiras é de R$ 55,00.

Aproveitar um passeio de banana boat custa R$ 60,00 por pessoa.

Além disso, é possível aproveitar uma hora de kayak por R$ 30,00 ou praticando Stand Up Paddle por R$ 50,00.

Imagem mostra guarda-sol na praia de Canasvieiras e o céu com algumas nuvens e uma pessoa na prancha de stand up na águaFoto: Leo Munhoz/ND

Após um dia de sol e muitas ondas, vem a difícil missão de enfrentar o intenso trânsito de Florianópolis durante o verão, especialmente na região do Norte da Ilha de Santa Catarina.

No entanto, existem outras oportunidades para evitar o trânsito, por exemplo, ficar hospedado em um hotel que está poucos metros da areia da praia.

Dessa maneira, o valor dos quartos variam de R$ 300,00 até R$ 200,00 por casal.

Assim, é possível curtir um dia de praia por até R$ 60,00 garantindo o transporte de ônibus, água, choripan, cadeira e guarda-sol.

Por outro lado, existem outras opções para quem quer bancar com o pé na areia branquinha da praia de Canasvieiras optando pelo motorista por aplicativo, caso queira consumir um drink ou cerveja, almoço e alguns petisco.

Todavia deve-se guardar no mínimo R$ 300,00.

Por exemplo, o transporte pode custar até R$ 110,00, o almoço varia de R$ 65,00 até R$ 189,90 e ainda os drinks e petiscos.

Vale lembrar que o preço não calcula a hospedagem que pode atingir R$ 300 por dia.

Turismo de 2021 já superam temporadas passadas

Aproximadamente 100 mil pessoas circularam pelo Terminal Rita Maria, em Florianópolis, do dia 15 de dezembro até a última quarta (29).

O número extrapola o de 2019, antes da pandemia, período de boa movimentação. Esse é um indicativo de como as viagens devem crescer nesta temporada.

Imagem mostra guarda-sol na praia de Canasvieiras e o céu com algumas nuvens
Foto: Leo Munhoz/ND

Os números já são considerados uma surpresa em relação ao que foi apresentado entre dezembro de 2020 a fevereiro deste ano, onde foram registrados apenas 273.794 passageiros.

A projeção é que 585.614 turistas passem pelo terminal até o final de fevereiro, na alta temporada. No mesmo período em 2019/2020, foram contabilizados 682.591 passageiros.

Assim como trouxe a reportagem do ND+, o destaque entre os turistas que frequentam as praias de Florianópolis é a presença de pessoas de outros Estados e poucos de países vizinhos como Argentina, Uruguai e Chile. Os turistas de São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul predominam à beira-mar nesta primeira semana de verão.

“Os turistas que tinham previsão de viajar para fora do país acabam viajando internamente. Consequentemente o ticket médio, o perfil do turista muda. Turistas com poder aquisitivo mais alto”, explica o presidente da Santur, Renê Menezes.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (45) 99946-0698

Copyright (c) 2022 - Foz Ao Vivo
Converse conosco pelo Whatsapp!