Gestão Pública

Governo do Estado está fazendo melhorias nas polícias que atuam na região fronteira do Paraná

São novos quartéis para a PM e para o Corpo de Bombeiros, unidades penais e projetos para melhorar a estrutura da Polícia Civil e da Polícia Científica

Publicada em 17/02/2022 às 11:45h

por Assessoria


Compartilhe
Compartilhar a notícia Governo do Estado está fazendo melhorias nas polícias que atuam na região fronteira do Paraná  Compartilhar a notícia Governo do Estado está fazendo melhorias nas polícias que atuam na região fronteira do Paraná  Compartilhar a notícia Governo do Estado está fazendo melhorias nas polícias que atuam na região fronteira do Paraná

Link da Notícia:

Governo do Estado está fazendo melhorias nas polícias que atuam na região fronteira do Paraná
 (Foto: SESP)

Está sendo implantadas melhorias às polícias que atuam na região da fronteira pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança Pública, onde está sendo construído novos quartéis para a PM e para o Corpo de Bombeiros, unidades penais e projetos para melhorar a estrutura da Polícia Civil e da Polícia Científica.

O secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, esteve em Guaíra nesta quarta-feira (16) para verificar o andamento dos projetos e fortalecer parcerias com os municípios lindeiros para novas iniciativas. 

Ele ressalta que o ano de 2022 chegou com novidades para a PM da região. As construções da nova sede do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) em Marechal Cândido Rondon, e da 2ª Companhia do mesmo Batalhão em Guaíra, começaram e vão dar outra perspectiva operacional para a unidade.

Os imóveis contarão com ambientes mais modernos e adequados à realidade da segurança pública para a atuação dos profissionais. 

Em paralelo, as obras das Cadeias Públicas de Guaíra e de Foz do Iguaçu estão em fase final para entrega ainda no primeiro semestre deste ano, proporcionando mais condições de gestão do Departamento de Polícia Penal com relação à população carcerária. 

Somente com o apoio da Itaipu Binacional, a Segurança Pública conta com mais de R$ 50 milhões em projetos, convênios e obras na Costa Oeste.

Graças a essa parceria foi possível tirar do papel antigos projetos, como a construção da Companhia do BPFron em Guaíra. 

Outros projetos, como reformas de delegacias, de unidades penais, da Base Naútica do Pelotão Cobra em Entre Rios do Oeste e a construção de uma nova sede da Polícia Científica em Guaíra, estão em fase de estudos e, alguns, em fase de homologação ou de contratação de serviços.

Agenda 

A primeira inspeção do secretário da Segurança Pública na região da fronteira foi na Cadeia Pública de Guaíra, que está com 95% da construção concluída, faltando ajustes para fornecimento de energia elétrica e de água, além da pavimentação do acesso à unidade, trabalho que está em andamento.

A obra tem investimento de R$ 17,73 milhões e vai proporcionar mais 752 vagas para o sistema penitenciário. A visita foi acompanhada pelo vice-diretor do Departamento de Polícia Penal, Francisco Silveira, e pelos coordenadores regionais de Cascavel, Thiago da Costa Correia, e de Maringá, Luciano Brito. 

Depois, o secretário esteve no canteiro de obras da 2ª Companhia do Batalhão de Policiamento da Fronteira (BPFron), que está em 9,43% de execução.

Em seguida, houve uma reunião com prefeito de Guaíra, Heraldo Trento, junto com representantes da construtora responsável pela obra e a equipe técnica do prefeito e que acompanha a execução do projeto. 

Futuro

Os investimentos e projetos futuros na região foram assunto encontro, na Câmara de Vereadores de Guaíra, do secretário, prefeitos e integrantes das forças de segurança pública.

Foi apresentada a articulação das instituições vinculadas na região de fronteira e um panorama do planejamento da Secretaria para os municípios lindeiros.

"Nosso intuito é transformar a região de Guaíra em um polo econômico e de forte presença policial para desenvolver ainda mais os municípios ao redor e atrair mais investimentos”, disse Marinho. 

Ele mencionou, ainda, que essas realizações são possíveis, graças ao planejamento feito no início da gestão do governador Ratinho Junior.

"Esse planejamento estratégico priorizou melhorar a condição de trabalho dos policiais, com ambientes mais adequados à função, buscando a valorização dos profissionais", disse. 

O secretário reforçou o compromisso com as cidades de fronteira e aproveitou para destacar a recente aquisição de novas 32 caminhonetes com recursos do governo federal para serem aplicadas no serviço operacional.

São 23 destinados ao BPFron e nove para a Polícia Civil, ampliando o alcance das equipes policiais. As novas viaturas devem chegar à região no próximo mês. 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (45) 99946-0698

Copyright (c) 2022 - Foz Ao Vivo
Converse conosco pelo Whatsapp!